País

Segurança Interna desmente aviso e garante que Portugal não alterou nível de alerta terrorista

Rafael Marchante / Reuters

A Secretária-Geral do Sistema de Segurança Interna garantiu hoje que Portugal não alterou o grau de ameaça terrorista e que este "se mantém em grau moderado". É a reação a um boato que se tornou viral nas redes sociais, dando conta que as autoridades portugueses tinham sido alertadas para um possível atentado.

"Portugal não alterou o grau de ameaça, que se mantém em grau moderado", informou em comunicado o serviço dirigido por Helena Fazenda.

Um rumor tornou-se viral nas redes sociais nas últimas horas, dando conta que as autoridades portugueses tinham sido alertadas para um possível atentado no país. A informação, que já circula entre milhares de pessoas, refere ainda que o SIS estava mesmo a alertar as unidades hoteleiras para o perigo.

A SIC contactou fontes da PSP, da GNR e da Policia Judiciária e todas negaram a existência de um conhecimento oficial sobre a iminência de um possível atentado.

A Secretária-Geral do Sistema de Segurança Interna informa ainda que "todas as forças e serviços de segurança que integram a Unidade de Coordenação Antiterrorismo estão a trabalhar em completa articulação e em cooperação com as suas congéneres, acompanhando o contexto internacional no âmbito da ameaça terrorista".