País

Marcelo vai analisar alterações ao financiamento partidário

Marcelo vai analisar alterações ao financiamento partidário

As alterações à lei do financiamento dos partidos vão permitir que estes deixem de ter limite para receber doações. O Presidente da Republica confirmou esta terça-feira que já recebeu o documento, mas que ainda não o analisou em detalhe.

  • CDS fala de falta de transparência
    2:00

    País

    Uma larga maioria dos deputados aprovou uma lei que promete reforçar os cofres de todos os partidos. Contactados pela SIC, os partidos foram contidos nas reações. Já o CDS-PP, que votou contra, fala em falta de transparência. Até ao momento, ainda não foi possível obter uma resposta do Bloco de Esquerda e do PAN.

  • Nova lei promete reforçar os cofres dos partidos
    2:01

    País

    As alterações à lei do financiamento dos partidos vão permitir que estes deixem de ter limite para receber doações em dinheiro. Em 2017 esse limite rondou os 600 mil euros. Agora, não há limite e os partidos podem ter direito à devolução total do IVA. Apenas os deputados do CDS e PAN votaram contra.

  • "Os partidos não têm dinheiro para a atividade que desenvolvem"
    2:35

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou esta terça-feira, no habitual espaço de comentário no Jornal da Noite, a alteração ao financiamento dos partidos. Para o comentador da SIC, os partidos "não têm dinheiro suficiente" para a atividade que desenvolvem. Miguel Sousa Tavares não concorda que não haja um limite para a angariação de fundos e que possam beneficiar da devolução do IVA "seja qual for a coisa que organizarem".

  • A saga do prédio Coutinho
    6:43
  • Descobrir as rotas do Alentejo
    14:59
  • Cepas da Serra
    10:16