País

Chefe do SEF de Albufeira indiciado por 17 crimes de corrupção passiva

O inspetor-chefe do serviço de estrangeiros de fronteiras de Albufeira vai aguardar julgamento em liberdade, mas sujeito a várias medidas de coação. Joaquim Patrício está indiciado por 17 crimes de corrupção passiva.