País

Ministério Público põe em causa legalidade do projeto urbanístico para a antiga Feira Popular de Lisboa

Ministério Público põe em causa legalidade do projeto urbanístico para a antiga Feira Popular de Lisboa

O Ministério Público arrasa os planos de Fernando Medina para os terrenos da antiga Feira Popular, em Entrecampos. Num ofício enviado à Câmara de Lisboa, a procuradora do Tribunal Administratvo do Sul põe em causa a legalidade urbanística do mega projecto e fala mesmo em violação do Plano Diretor Municipal. A magistrada reconhece que é uma análise pouco aprofundada, mas urgente, tendo em conta que a hasta pública dos terrenos está marcada para a próxima segunda-feira.

  • Ciclone Kenneth deverá provocar chuvadas e ventos de 140 km/h
    1:08