País

"Até que ponto o Estado não tem obrigação de intervir" na crise da comunicação social, questiona Marcelo

"Até que ponto o Estado não tem obrigação de intervir" na crise da comunicação social, questiona Marcelo

Na entrega de prémios Gazeta de Jornalismo 2017, esta terça-feira, Marcelo Rebelo de Sousa mostra-se preocupado com o jornalismo populista e com as condições de trabalho dos jornalistas. O Presidente da República diz ainda que gostava de ajudar a resolver o que chama de situação de emergência que se verifica na Comunicação Social e questiona o facto do Estado ter obrigação de intervir nesta crise.

  • Os populismos crescentes "não são apenas um problema europeu"
    2:01
  • “Vamos a Jogo” acompanhou Luís Filipe Vieira no dia da reconquista
    15:21
  • Visíveis - Ruca
    31:30