País

PAN quer integrar família dos Verdes na Europa

Francisco Guerreiro é o cabeça de lista do partido às eleições europeias de 2019.

O partido Pessoas-Animais-Natureza (PAN) já tem cabeça de lista às eleições europeias de 2019. Francisco Guerreiro, membro da Comissão Política Nacional e assessor parlamentar do deputado André Silva na Assembleia da República, lidera uma candidatura que, segundo o PAN, "assenta em temáticas prioritárias relacionadas com o apoio humanitário, o desenvolvimento sustentável e as alterações climáticas e transição energética".

Caso consiga eleger um deputado, o PAN vai integrar o Grupo dos Verdes/Aliança Livre Europeia, ao lado de membros de partidos ecologistas, como os Verdes alemães, e regionalistas, como a Esquerda Republicana da Catalunha. Segundo disse à SIC Francisco Guerreiro, o Grupo dos Verdes/Aliança Livre Europeia já confirmou que aceita a inclusão de eurodeputados do PAN que, eventualmente, venham a ser eleitos nas próximas Europeias, dia 26 de maio de 2019.

Entre as propostas do PAN está o fim da comercialização de veículos movidos a combustíveis fósseis dentro da União Europeia até 2030. O PAN também quer promover a conversão da agricultura intensiva europeia para agricultura biológica, no horizonte 2021-2027.

Na área das migrações, o partido diz que tendo em conta os refugiados económicos e climáticos, "a União Europeia deve reforçar mecanismos de integração não só com políticas efetivas de emprego como de integração social e cultural". O PAN defende ainda que devem ser refforçados os mecanismos de apoio financeiro para que outros Estados europeus possam acolher mais refugiados.

Francisco Guerreiro é militante do PAN desde 2012

Nasceu em Santiago do Cacém, a 12 de Setembro de 1984. Estudou em Coimbra onde se licenciou em Comunicação Social pelo Instituto Superior de Educação de Coimbra. Trabalhou como analista de estudos de mercado, e project leader para a Comissão Europeia, na empresa Spotter até 2014.

É militante do PAN desde 2012, Comissário Político Nacional desde 2013 e coordenador da Secretaria de Comunicação desde 2014. Atualmente é assessor político do PAN acompanhando a Comissão de Ambiente, Ordenamento do Território, Descentralização, Poder Local e Habitação.

Já foi candidato à presidência da Câmara Municipal de Coimbra, nas autárquicas de 2013, esteve em terceiro na lista para as Europeias de 2014, está atualmente em segundo na lista pelo círculo de Lisboa, distrito que elegeu o deputado do PAN André Silva, e foi candidato nas autárquicas de 2017 à Câmara Municipal de Cascais onde teve 4.56% e onde se elegeram duas deputadas municipais.

Atualmente reside em Cascais, é casado e tem duas filhas uma das quais nascerá, estima-se, a 5 de Março. A família é também composta por dois gatos (casal) e uma coelha selvagem todos adotados.

O seu hobby centra-se na leitura e na recolha de lixo nomeadamente em florestas e nas praias nacionais.

  • O Milagre de Jesus
    25:48