País

Marroquino acusado de terrorismo ainda não começou a ser julgado

Marroquino acusado de terrorismo ainda não começou a ser julgado

Juíza do Tribunal de Aveiro declarou-se agora incompetente para julgar o caso.

O caso do marroquino acusado de recrutar em Portugal operacionais para o Daesh continua em bolandas. A juíza do Tribunal de Aveiro, para onde o processo tinha sido enviado, declarou-se agora incompetente para julgar o alegado terrorista.

  • “Este despacho não é sobre casas de banho, é sobre pessoas”
    13:47