País

"Não há solução mágica" para as listas de espera na saúde

"Não há solução mágica" para as listas de espera na saúde

As declarações são da ministra da Saúde, Marta Temido.

A ministra da Saúde diz que não há uma solução mágica para resolver o problema das listas de espera. No entanto, Marta Temido garante que todos os utentes com prioridade normal, que estão em espera há mais de 12 meses, terão a sua consulta ou cirurgia até ao final do ano.