País

ASAE apreende 21 mil artigos contrafeitos em lojas de bijuteria em Lisboa

MÁRIO CRUZ

Os artigos prefazem um valor aproximando de 10.200 euros.

Cerca de 21 mil artigos contrafeitos, no valor aproximando de 10.200 euros, foram apreendidos pela Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE), por comercialização com violação de marca, em inspeções a quatro estabelecimentos de venda de bijuteria.

Segundo adianta hoje uma informação prestada pela ASAE, as diligências de investigação, realizadas pela Unidade Regional do Sul deste organismo, incidiram em estabelecimentos de comércio a retalho situados em Lisboa, que se dedicam ao comércio de artigos de bijuteria e outros acessórios de moda.

Durante a ação de inspeção foi ainda identificado um cidadão estrangeiro que se encontrava em situação ilegal em Portugal, o qual foi encaminhado para o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF).

A ASAE esclarece que desenvolve esta atividade, na sua qualidade de órgão de polícia criminal, num domínio que se prende com a salvaguarda das regras do mercado e da livre concorrência, defendendo os direitos da propriedade industrial, mantendo este setor em apertada vigilância e monitorização, acautelando assim o combate à contrafação.

Lusa

  • Os populismos crescentes "não são apenas um problema europeu"
    2:01
  • “Vamos a Jogo” acompanhou Luís Filipe Vieira no dia da reconquista
    15:21
  • Visíveis - Ruca
    31:30