País

Detido suspeito de ter agredido e violado portuguesa em Barcelona

O alegado agressor é um homem de 32 anos de nacionalidade marroquina.

Um homem de 32 anos suspeito de ter agredido e violado, na madrugada de quinta-feira, uma portuguesa em Barcelona foi hoje detido, segundo informações avançadas à Lusa pela polícia espanhola.


Em declarações à Lusa, o responsável pelo gabinete de imprensa da Polícia de Barcelona confirmou que a jovem violada na madrugada de quinta-feira era portuguesa e que o alegado agressor foi detido hoje de manhã.


O alegado agressor é um homem de 32 anos de nacionalidade marroquina que foi detido por dois agentes da Generalitat - Mossos d'Esquadra da Divisão de Investigação Criminal do Departamento de Polícia de Barcelona.


Segundo aquela polícia, o crime ocorreu por volta das 05:00 de quinta-feira em plena rua, na zona de Drassanes, no distrito de Ciutat Vella (Barcelona).


"A mulher, que foi encontrada pelos serviços de limpeza da cidade, foi tratada e transferida para o Hospital para ser atendida clinicamente", refere a polícia no seu site.


Hoje de manhã, dois agentes localizaram uma pessoa que poderia ser o possível agressor e, depois de várias diligencias, foram encontrados indícios que relacionam o homem ao agressor, que acabou por ser detido, contou á Lusa o assessor de imprensa.


"A investigação continua aberta", acrescenta a polícia.


A Agência Lusa está a tentar contactar desde sexta-feira responsáveis da Secretaria de estado das Comunidades mas não obteve qualquer resposta até ao momento.

Lusa

  • O que resta do Titanic?
    2:12