País

Doentes oncológicos sem resposta no IPO de Lisboa

Doentes oncológicos sem resposta no IPO de Lisboa

Falta de enfermeiros e assistentes são a razão dos atrasos.

Dezenas de pacientes oncológicos estão em lista de espera no IPO de Lisboa.

Os quartos de isolamento foram aumentados de 7 para 12, mas não vão ser usados.

O atraso para com os doentes deve-se à falta de enfermeiros e assistentes operacionais, apesar de estar concluída a nova unidade de transplante de medula.

As burocracias são a principal razão para a falta de funcionários no IPO de Lisboa.

  • O 12.º episódio do "Polígrafo SIC"
    21:36