País

Trabalhadores da TST estão hoje e amanhã em greve

Protesto vai suprimir carreiras entre Setúbal e Lisboa nas próximas 48 horas.

Os trabalhadores da TST estão hoje e amanhã em greve, num protesto que vai suprimir carreiras entre Setúbal e Lisboa nas próximas 48 horas.

Exigem a diminuição da carga horária e a revisão da tabela remuneratória e vão concentar-se no Laranjeiro, em Almada para pedir a intervenção do município.

O sindicato espera uma adesão superior a 90%. A paralisação só termina quarta-feira à meia-noite.