País

Mais de 40 mil casos de pensões em atraso por resolver

Mais de 40 mil casos de pensões em atraso por resolver

Ao todo, há 923 queixas relacionadas com atrasos em 2018.

O Governo garantiu esta quarta-feira que o sistema de atribuição de pensões já tem capacidade para responder aos novos pedidos, mas há ainda 42 mil casos por resolver. Alguns deles aguardam há mais de um ano.

  • O que houve de melhor no SBSR
    11:16
  • Descobrir as rotas do Alentejo
    14:59