País

Mais de 60 mil testemunhas de Jeová iniciam hoje congresso no Estádio da Luz

SIC

Os participantes chegam de todos os continentes, com representações da Nova Zelândia à índia, passando por Tonga e Samoa.

Mais de 60 mil pessoas de vários continentes, entre 200 países, vão participar, em Lisboa, no congresso internacional das Testemunhas de Jeová que hoje se inicia no Estádio da Luz.

Os 5.300 delegados ao congresso são oriundos de 46 países, mas a assistência esperada em cada um dos três dias (hoje, sábado e domingo) está estimada em mais de 60.000 pessoas, de acordo com a informação divulgada pela organização.

Em Portugal, existem cerca de 50.000 Testemunhas de Jeová, que se dedicam a “partilhar o conhecimento bíblico”, conforme frisaram os responsáveis pela iniciativa durante a apresentação à comunicação social.

“Este congresso é, sem dúvida, um marco muito importante na história da liberdade religiosa em Portugal”, afirmou Pedro Candeias, ancião e ministro religioso das Testemunhas de Jeová.

Este ano, realizam-se vários congressos de três dias em diferentes pontos do mundo, sendo Lisboa uma das 22 cidades escolhidas para o evento, que decorre sob o lema “O Amor nunca Acaba".

Na série de 24 congressos internacionais, iniciada em maio e que se estende até ao final do ano, deverão participar 14 milhões de pessoas, de acordo com os números hoje divulgados.

Em Portugal, o congresso será apresentado em português e em língua gestual portuguesa, com tradução simultânea para inglês e espanhol.

A maioria dos participantes já está em Portugal para um evento que terá “um forte impacto na economia local”. Na terça-feira e hoje circularam 100 autocarros, em cada dia, e nos dias do congresso deverão ser 400 veículos, disse outro responsável, Manuel da Silva, ao dar uma visão global do congresso.

Do programa fazem parte as habituais visitas turísticas a Sintra e à praia, entre outros locais recomendados aos visitantes, como o Mosteiro dos Jerónimos e propriedades vinícolas.

Lusa

  • Vem aí o calor...
    1:01