País

Bloco operatório da Maternidade Alfredo da Costa vai fechar por tempo indeterminado

Lusa

LUSA

O alerta é feito pelo corpo clínico de ginecologia.

Numa carta endereçada à administração da Maternidade Alfredo da Costa, a que a SIC teve acesso, o corpo clínico do serviço de ginecologia lança o alerta. A partir de dia 15, o bloco fecha por tempo indeterminado.

Na missiva, assinada pela responsável pelo bloco operatório de ginecologia, apela-se à resolução do problema através da contratação imediata de anestesiologistas para o quadro do Centro Hospitalar de Lisboa Central.

A carta denuncia ainda que, nos dois últimos anos, a sala do bloco operatório esteve fechada metade do tempo, por falta de médicos especialistas em anestesia.

À Rádio Renascença, fonte da administração não confirma nem desmente o encerramento do bloco.

  • A saga do prédio Coutinho
    6:43
  • Descobrir as rotas do Alentejo
    14:59
  • Cepas da Serra
    10:16