País

Ordem dos Médicos denuncia falta de espaços e de médicos no Hospital de Aveiro

Ordem dos Médicos denuncia falta de espaços e de médicos no Hospital de Aveiro

Em causa estão falhas no serviço de urgência devido à falta de cirurgiões.

O bastonário da Ordem dos Médicos, Miguel Guimarães, denunciou a falta de espaços e de médicos no Hospital de Aveiro, problemas que a administração hospitalar diz estarem em vias de resolução.

Miguel Guimarães disse que um dos principais problemas tem a ver com a falta de médicos para assegurar a urgência na área da cirurgia geral, adiantando que "às vezes não são cumpridos os mínimos".

"A cirurgia geral tem sofrido muito com isto, porque apesar de o quadro médico ter 22 cirurgiões, só 11 é que fazem serviço de urgência", constatou, considerando que este número é "claramente insuficiente, o que faz com que o hospital tenha que "recorrer muitas vezes a serviços externos".

A Ordem iniciou na segunda-feira um périplo nacional pelas unidades hospitalares com o objetivo de entregar um relatório à ministra da Saúde.

Com Lusa

  • Boris Johnson foi alvo de críticas e elogios
    2:35