País

PJ deteve homem procurado pela Interpol para ser extraditado para Ucrânia

Era procurado para cumprimento de pena de três anos de prisão.

Um homem que era procurado pelas autoridades ucranianas através da Interpol com vista à sua extradição foi detido pela Polícia Judiciária (PJ), informou esta sexta-feira esta polícia.

Segundo refere a PJ, o detido, estrangeiro, residente na zona de Loulé, com atividade profissional ligada a serviços de aluguer de automóveis em Faro, era procurado pelas autoridades ucranianas para cumprimento de pena de três anos de prisão, pela prática de crimes de fraude fiscal.

O detido, de 31 anos, aguarda as formalidades legais relativas à sua extradição para a Ucrânia.

Lusa

  • Doente deitada no chão do hospital?
    2:20