País

Chefe das Forças Armadas diz que é preciso rever vencimentos

Chefe das Forças Armadas diz que é preciso rever vencimentos

Almirante Silva Ribeiro fala em situação "insustentável".

A situação nas Forças Armadas tornou-se "insustentável". O Chefe do Estado-Maior General diz que faltam seis mil efetivos, o que já levou as chefias militares a terem de recusar a participação em missões de proteção civil.

Numa entrevista à Rádio Renascença e ao jornal Público, o almirante Silva Ribeiro garante que o número de efetivos é "absolutamente insuficiente".