País

Novas provas adiam leitura da sentença de Diana Fialho e Iúri Mata

Novas provas adiam leitura da sentença de Diana Fialho e Iúri Mata

O casal é acusado de matar Amélia Fialho, a mãe adotiva da arguida, no Montijo, em setembro de 2018.

A leitura da sentença foi esta sexta-feira adiada porque há novas provas no caso, entre as quais um relatório pericial aos computadores dos arguidos. A defesa de Diana Fialho diz que ainda não teve aceso ao novo documento.

A próxima sessão ficou agendada para as 14:00 de 29 de julho, dia em que serão feitas novas alegações, mas que só irão incidir sobre o exame pericial agora junto ao processo e a alteração da qualificação jurídica do crime.

Nesse dia está previsto ser marcada nova data para a leitura do acórdão.

  • 160 mortes e 7.443 casos de Covid-19 em Portugal

    Coronavírus

    O último balanço da DGS dá conta de 160 mortes e 7.443 infetados com o novo coronavírus em Portugal. Mais 20 óbitos e 1.035 casos em relação a ontem. Nas últimas 24 horas, Espanha registou mais 849 mortes por Covid-19, o valor mais alto num só dia desde o início da pandemia. O balanço de vítimas em território espanhol ascende agora a 94.417 infetados e 8.189 vítimas mortais. Siga aqui ao minuto as últimas informações sobre a pandemia.

    Direto

    SIC Notícias