País

Urgências da Maternidade Alfredo da Costa estão fechadas

Falta de anestesistas determina encerramento do serviço.

A maternidade Alfredo da Costa, em Lisboa, viu-se obrigada a encerrar as urgências por tempo indeterminado devido à falta de anestesistas para assegurar todas as escalas, avança o Expresso.

A situação já se vem arrastando há algum tempo. Já em julho várias cirurgias tiveram de ser adiadas devido à falta destes profissionais.

  • “Entregues à Sorte” – Primeiro episódio
    30:41