País

Cerca de 50 pessoas retiradas de casa devido ao fogo em Sintra

DR

"O vento não está a ajudar".

Cerca de 50 pessoas foram hoje retiradas das suas casas na localidade da Venda Seca, concelho de Sintra, por precaução, devido ao incêndio que deflagra na serra da Carregueira, disse a presidente da União de Freguesias de Queluz e Belas.

Em declarações à agência Lusa cerca das 18:25, Paula Alves referiu que os moradores foram retirados das habitações devido à imprevisibilidade da direção do fogo, tendo em conta o vento que se faz sentir na zona.

"O vento não está a ajudar", reforçou.

De acordo com a página da internet da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, consultada pela Lusa cerca das 18:40, combatem este incêndio 358 operacionais, apoiados por 105 veículos e cinco meios aéreos.

O incêndio teve início às 15:20, numa zona de mato, junto ao Estabelecimento Prisional da Carregueira e do Centro de Tropas e Comandos, disse, anteriormente, fonte da Proteção Civil.

Com Lusa

  • Investir agora na infância para poupar no futuro

    Desafios da Mente

    Assegurar o desenvolvimento saudável de todas as crianças é essencial para as sociedades que procuram alcançar o seu pleno potencial sanitário, social e económico. A prevenção da adversidade precoce deve ser uma preocupação diária e não apenas assunto no mês de abril, mês Internacional da Prevenção dos Maus-Tratos na Infância. Os Governos, as famílias, as comunidades e as organizações devem ser envolvidas a fim de alcançar estes objetivos.