País

Professores retomam greve às horas extraordinárias 

Professores retomam greve às horas extraordinárias 

Fenprof diz que a manter-se o mesmo ministro da Educação, será uma afronta para os docentes.

Os professores retomaram hoje uma greve às horas extraordinárias para exigirem o cumprimento das 35 horas semanais. Os sindicatos da Educação dizem que a greve por tempo indeterminado, pode comprometer as avaliações intercalares dos alunos, mas não afecta as aulas. Mário Nogueira, da Fenprof, diz ainda que a manter-se o mesmo ministro no novo Governo será uma afronta para os professores.