País

INEM confirma que Amaral Dias esteve quase uma hora retido em ambulância avariada

INEM confirma que Amaral Dias esteve quase uma hora retido em ambulância avariada

Conselho Diretivo do INEM instaurou dois processos de contraordenação aos Bombeiros Voluntários de Beato e Penha de França.

O relatório do INEM ao caso da morte de Carlos Amaral Dias confirma que o psicanalista ficou retido uma hora na ambulância avariada sem que os bombeiros do Beato tivessem comunicado a situação ao Centro de Orientação de Doentes Urgentes (CODU) nem ao Dispositivo Integrado e Permanente de Emergência Pré-Hospitalar de Lisboa.

A notícia é avançada pelo JN que adianta que as conclusões já seguiram para o Ministério Público.