País

Francisco Rodrigues dos Santos é o novo presidente do CDS

PAULO NOVAIS / LUSA

Filipe Lobo d’Ávila é vice-presidente.

Francisco Rodrigues dos Santos vai ser o novo presidente do CDS e Filipe Lobo D'Ávila o vice-presidente.

A moção que o líder da Juventude Centrista levou ao Congresso do partido teve 46 por cento dos votos, mais 6 pontos percentuais do que João Almeida que com este resultado desistiu da corrida.

O futuro líder diz que vai com espírito de missão cumprida.

Os resultados foram conhecidos já durante a madrugada, no primeiro dia do congresso do partido em Aveiro.

A moção de estratégia de Francisco Rodrigues dos Santos foi a mais votada, com 671 votos (46,4%).

A segunda mais votada foi a de João Almeida, com 562 votos (38,9%), e a terceira, a de Filipe Lobo d'Ávila, com 209 (14,45%).

A quarta moção que foi a votos, de José Ângelo da Costa Pinto, teve três votos (0,02%).

Registaram-se três votos brancos e nulos.

No total, votaram 1.449 delegados.

Filipe Lobo d’Ávila vai ser vice-presidente da direção de Francisco Rodrigues dos Santos

O futuro líder do CDS-PP Francisco Rodrigues dos Santos vai ter como vice-presidente Filipe Lobo d’Ávila, que foi um dos seus adversários na corrida à liderança do partido.

A informação foi avançada hoje de manhã à Lusa por fonte ligada à candidatura de Rodrigues dos Santos.

Às 09:40 ainda não eram conhecidas as listas aos órgãos nacionais do partido que vão estar a votação este domingo no Parque de Exposições de Aveiro onde decorre o 28.º congresso do CDS para eleger o sucessor de Assunção Cristas.

De Chicão a Francisco Rodrigues dos Santos: o perfil do novo líder do CDS-PP