País

Decisão sobre processo Jogo Duplo volta a ser adiada

Decisão sobre processo Jogo Duplo volta a ser adiada

Um dos maiores casos de corrupção do desporto em Portugal.

Foi adiada para o final do mês a decisão sobre o processo Jogo Duplo.

Em causa está um esquema de viciação de resultados da II Liga, através de apostas fraudulentas, com o envolvimento de empresários da Malásia que nunca chegaram a ser acusados.

No banco dos réus sentam-se 27 arguidos, entre os quais Carlos Silva, elemento da claque “Super Dragões”, Gustavo Lopes, empresário, e Rui Dolores, ex-jogador. Segundo o Ministério Público, seriam os responsáveis pela alegada organização criminosa em Portugal.

Veja também: