País

Homem morre esmagado por camião em Aljustrel

Vítima de um acidente de trabalho.

Um trabalhador da Câmara de Aljustrel, de 63 anos, morreu esta segunda-feira vítima de acidente de trabalho, após ter sido esmagado por um camião contra uma parede, numa rua da vila, disse à agência Lusa fonte da GNR.

O acidente ocorreu por volta das 15:00, quando o homem, que estava numa rua da vila de Aljustrel, distrito de Beja, a recolher entulho, foi atingido e esmagado contra uma parede por um veículo pesado de mercadorias pertencente à autarquia, explicou a fonte da GNR.

Segundo a mesma fonte, o homem encontrava-se fora do veículo, que estava parado na rua e terá resvalado ou cedido, atingindo a vítima, que ficou entalada e acabou por morrer esmagada entre o veículo e a parede de um edifício.

Contactada pela agência Lusa, fonte oficial da Câmara de Aljustrel limitou-se a confirmar que o homem era funcionário do município e o acidente ocorreu durante a prestação pela autarquia de um serviço de recolha de resíduos de construção e demolição.

Fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Beja disse à Lusa que o acidente ocorreu na rua Luís de Camões, na vila de Aljustrel, e para o local foram mobilizados 24 operacionais apoiados por 11 veículos de várias entidades.

Contactado pela Lusa, o diretor da Unidade Local do Litoral e Baixo Alentejo da Autoridade para as Condições do Trabalho (ACT), Carlos Graça, confirmou tratar-se de um acidente de trabalho com uma vítima mortal e disse que a instituição abriu um inquérito para averiguar as circunstâncias em que ocorreu.

Uma equipa de inspetores da ACT deslocou-se ao local para recolher elementos para desenvolver as averiguações necessárias e elaborar o inquérito, explicou Carlos Graça.