País

Militares que fazem gratificados nos aeródromos estão sem receber há mais de 1 ano

Notícia SIC

Militares que fazem gratificados nos aeródromos estão sem receber há mais de 1 ano

A dívida já ultrapassa os 440 mil euros.

Os militares da GNR que fazem serviço gratificado nos aeródromos estão sem receber há mais de um ano.

O problema repete-se ano após ano, porque as câmaras recusam pagar e o Governo arranjou forma de ir buscar o dinheiro aos fundos da Autoridade Nacional de Aviação Civil, que só ficam disponíveis no final de cada ano.