País

Homem morre nas urgências do Hospital de Beja

Homem morre nas urgências do Hospital de Beja

Daniela Alves

Jornalista

José Ribeiro

Editor de Imagem

Vítima tinha pulseira amarela e morreu nas urgências depois de três horas e meia de espera sem ser visto por um médico.

O caso aconteceu a 31 de janeiro. O homem, diagnosticado com diabetes e hepatite C, deu entrada no serviço de urgência do Hospital José Joaquim Fernandes, em Beja. Estava debilitado e com várias manchas nas pernas. Foi-lhe atribuída a pulseira amarela.

Esperou numa cadeira de rodas mais de três horas e meia. Apesar dos alertas por parte dos familiares, não foi atendido. Às 21h00, o homem de 60 anos morreu na sala de espera sem ter sido visto por um médico.

Os familiares da vítima apresentaram uma reclamação escrita. O conselho de administração do hospital lamenta a morte e confirma que já abriu um inquérito para investigar o que aconteceu.