País

Marinha venezuelana divulga vídeo editado de colisão com navio português

Marinha venezuelana divulga vídeo editado de colisão com navio português

Venezuela diz ter sido alvo de pirataria.

A Marinha venezuelana divulgou este domingo um vídeo editado com imagens do momento do incidente que envolveu um navio cruzeiro de bandeira portuguesa.

O comandante-geral da Marinha venezuelana insiste que o navio se encontrava em águas nacionais, que não seguiu as ordens das autoridades e que não prestou auxílio aos tripulantes venezuelanos após o naufrágio do navio da guarda costeira.

No vídeo, é possível escutar parte da comunicação entre as duas embarcações.

Entretanto, o Ministério das Relações Exteriores da Venezuela comunicou o sucedido à embaixada de Lisboa em Caracas, através de uma nota verbal.

"Nós responderemos tão breve quanto possível à nota verbal da Venezuela. Este incidente, qual quer que seja a sua natureza é um incidente que não deve perturbar as relações de Estado a Estado, entre a Venezuela e Portugal, quanto mais tratando-se de um navio privado e de um incidente isolado cujas responsabilidades podem e devem ser apuradas", disse o ministro dos Negócios Estrangeiros português, Augusto Santos Silva.