País

Presidente da EDP Renováveis em silêncio perante o juiz Carlos Alexandre

João Manso Neto foi interrogado no processo das alegadas rendas excessivas da elétrica

O juiz Carlos Alexandre chamou hoje a tribunal o presidente da EDP Renováveis no processo das alegadas rendas excessivas da elétrica. João Manso Neto ficou em silêncio.

A mesma estratégia usada ontem pelo presidente da EDP, António Mexia, apesar de confrontado com novas suspeitas que envolve a construção da barragem do Baixo Sabor.