País

Dois homens detidos na Amadora por agressões a agentes da PSP 

Vídeo mostra os confrontos e um dos agentes a disparar a arma para o ar.

A PSP deteve na quarta-feira à noite dois homens, na Amadora, depois de entrarem em confrontos com as autoridades, que foram obrigadas a disparar para o ar para "conseguir proceder à detenção dos indivíduos".

As imagens divulgadas nas redes sociais mostram os confrontos entre as autoridades que tentam deter os homens, de 25 e 31 anos, e um agente da PSP a disparar a arma para o ar.

De acordo com um comunicado enviado pela PSP, os confrontos aconteceram na sequência de um acidente de trânsito entre um autocarro e um veículo ligeiro, ocupado pelos suspeitos.

"Na sequência de um acidente de viação entre um veículo ligeiro e um veículo pesado de passageiros, os agentes da PSP deslocaram-se ao local da ocorrência onde, após o diálogo com os intervenientes e a verificação da falta de habilitação para conduzir, o condutor de 25 anos e o passageiro da viatura por este conduzida, partiram para agressões aos quatro policias que tiravam nota dos dados da ocorrência, o que motivou a detenção dos dois homens."

No comunicado, a PSP esclarece que foram efetuados dois disparos para o ar "a fim de se conseguir proceder à detenção dos dois indivíduos, dada a complexidade física dos suspeitos, a forma agressiva como reagiram para com os polícias e dado o ajuntamento de pessoas no local que tentaram impedir o desempenho do serviço de polícia".

Os quatros agentes da PSP ficaram feridos nos confrontos e tiveram de ser assistidos num hospital.

Os dois homens, suspeitos da prática do crime de ofensas à integridade física qualificada e resistência e coação sobre funcionário, estão nas salas de detenção do Comando Metropolitano de Lisboa, onde vão permanecer até serem presentes a tribunal e conhecerem as medidas de coação.