País

Dominado fogo que deflagrou em Silves

MIGUEL A. LOPES

População de Águas Velhas, por uma questão de segurança, não puderam sair da povoação.

O incêndio que deflagrou ao início da tarde desta segunda-feira em São Marcos da Serra, concelho de Silves, foi dado como dominado às 22:20, decorrendo operações de rescaldo, disse à Lusa fonte do CDOS de Faro.

De acordo com fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Faro, o fogo "está dominado desde as 22:20".

Bombeiro ficou com queimaduras

Questionado pela agência Lusa sobre se houve feridos na sequência deste incêndio, a mesma fonte referiu que apenas houve "um bombeiro que teve umas queimaduras de primeiro grau nos membros inferiores".

A fonte acrescentou que sete cidadãos foram retirados de Corte Mourão "por precaução", mas, uma vez que não houve danos nas casas, "é uma questão de tempo até voltarem às suas habitações".

Fogo mobilizou mais de 300 operacionais

Segundo o CDOS, pelas 23:00 estavam 310 operacionais no terreno, apoiados por 111 veículos e ainda "um avião de coordenação a sobrevoar" a área onde o fogo lavrou.

Durante a tarde, fonte do CDOS algarvio disse que o fogo obrigou ao confinamento, por precaução, da população da povoação de Águas Velhas.

Povoação obrigada a confinamento

Por precaução, foi necessário "confinar a população da povoação de Águas Velhas", declarou à Lusa a fonte do CDOS.

Segundo a mesma fonte, a medida de confinamento significa que, por uma questão de segurança, as pessoas não podem sair da povoação.

A fonte acrescentou que o vento e o terreno dificultaram o combate ao incêndio, que tinha duas frentes ativas naquele momento.

O fogo deflagrou às 14:56, segundo a informação disponível na página na internet da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil.

  • 17:19