País

PSP iniciou esta sexta-feira a destruição de 17.200 armas na Maia

As armas de fogo foram declaradas perdidas a favor do Estado, no âmbito de processos-crime e de processos de contraordenação.

A PSP realizou esta sexta-feira uma ação de destruição de armas, parte delas declaradas como perdidas a favor do Estado no âmbito de processos-crimes ou de contraordenações, outras de entrega voluntária dos proprietários.

Desde 2014, já foram destruídas cerca de 200 mil armas.

Portugal é o terceiro país mais seguro do Mundo.