País

Suspeito de atear fogo a mulher no Seixal fica em prisão preventiva

Tiago Henrique Marques / Lusa

Homem de 81 anos regou a companheira com álcool e pegou-lhe fogo.

O homem suspeito de ter ateado fogo à companheira no passado domingo, em Paio Pires, no Seixal, vai aguardar julgamento em prisão preventiva, informou esta segunda-feira fonte da Polícia Judiciária (PJ) de Setúbal.

Segundo a PJ, na sequência de uma discussão no passado domingo, o arguido, um homem de 81 anos, regou a companheira com álcool e pegou-lhe fogo, causando-lhe lesões de tal modo graves que quase lhe provocaram a morte.

Fontes contactadas inicialmente tinham referido que o homem tinha 80 anos e a mulher 50, mas, segundo a PJ, o arguido tem 81 anos de idade e a vítima 45 anos.

O presumível autor do crime, que está indiciado por tentativa de homicídio qualificado, foi esta segunda-feira presente a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido decretada a medida de coação mais grave, de prisão preventiva.