País

Governo vai contratar 950 médicos para o SNS. Medicina interna vai receber o maior reforço

Rita Rogado

Rita Rogado

Jornalista

Pedro Santos

Pedro Santos

Editor de Imagem

As vagas representam um aumento de posto de trabalho de 9,6% em relação ao ano anterior.

O Governo vai contratar 950 novos médicos para o Serviço Nacional de Saúde. O despacho assinado pelo Secretário de Estado da Saúde e publicado em Diário da República, especifica o número de vagas para cada especialidade.

A medicina interna é a área hospitalar que vai receber maior reforço, com 151 médicos. Segue-se a anestesiologia com 68 vagas e a pediatria médica 63.

A psiquiatria, a cirurgia geral e a ortopedia são também especialidades com número elevado de vagas: 49, 47 e 43, respetivamente.

Com menor número de postos de trabalho, aparecem as cirurgias cardíaca e torácica, a genética médica e a farmacologia clínica.

Há ainda 39 vagas para os serviços de saúde pública.

As 950 vagas representam um aumento de posto de trabalho de 9,6% em relação ao ano anterior.