País

Migrantes escaparam de uma janela do quartel do exército

João Tiago, jornalista da SIC no local, faz o balanço da situação.

O grupo de 17 migrantes que fugiu durante a madrugada desta quinta-feira, do quartel do exército, em Tavira, terá escapado de uma janela do edifício.

Ainda durante a madrugada, a GNR encerrou a fronteira entre o Algarve e a Andaluzia, de modo a realizar um controlo rodoviário, como explica o jornalista da SIC, João Tiago, sendo que está também a decorrer uma operação na A22.

Apesar dos migrantes se encontrarem num quartel do exército, enquanto aguardam por uma decisão do tribunal, competia ao Serviço de Estrangeiros e Fronteiras garantir a segurança dos migrantes.