País

Alunos de sucesso em Viseu. Mais de 50 entraram nos cursos com melhor média nacional

União entre alunos, professores e funcionários é o segredo.

Quase 51 mil alunos entram este ano no Ensino Superior e, apesar das contingências provocadas pela pandemia, os resultados foram positivos.

Em Viseu, de uma só escola, mais de 50 alunos entraram nos cursos com melhor média nacional. O segredo desta escola pública parece estar no esforço de todos, desde alunos, professores e funcionários.

Ministro valoriza diversidade de opções no acesso ao ensino superior

O ministro da Ciência e Ensino Superior considera que tão importante como o aumento de colocados é a diversidade de opções.

Manuel Heitor diz que nas três fases do concurso não haverá cursos sem alunos e acredita que o apoio do Estado vai permirir ter e suportar os necessários alojamentos.

UNIVERSIDADE DO PORTO TEM DAS MÉDIAS MAIS ALTAS

A Universidade do Porto tem uma das notas médias mais altas de acesso ao ensino superior. O curso mais concorrido foi o de Engenharia e Gestão Industrial, onde o último colocado entrou com 19,1.

HÁ QUATRO CURSOS COM MÉDIA ACIMA DE 19 E NENHUM É DE MEDICINA

Quatro em cada cinco estudantes que se candidataram ao Ensino Superior entraram na primeira fase. Este ano, há quatro cursos em que a média ultrapassa os 19 valores.

19,13 valores é a média mais alta de acesso ao Ensino Superior e é partilhada por três cursos: foi a nota do último dos 93 colocados no curso de Engenharia e Gestão Industrial, na Universidade do Porto, do último dos 120 novos alunos de Engenharia Aeroespacial e do último a entrar em Engenharia Física Tecnológica, ambos no Técnico, em Lisboa.

O quarto curso com média mais alta é Bioengenharia, no Porto, com 19,1 valores.

Os resultados da primeira fase do concurso foram divulgados na Internet. Pode consultar aqui