País

Neve corta estradas na Serra da Estrela e EN2 e EN321 no distrito de Viseu

DR

Previsto vento forte, precipitação, neve, agitação marítima e descida da temperatura para este fim de semana.

As estradas de acesso ao maciço central da serra da Estrela estão na manhã desta sexta-feira encerradas devido à queda de neve e às condições climatéricas adversas, disse à Lusa fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro de Castelo Branco.

Segundo a fonte, às 09:20, apenas se encontrava transitável o troço Covilhã/Piornos.

A circulação estava proibida nos troços Piornos/Cruzamento da Torre, Cruzamento da Torre/Torre e Cruzamento da Torre/Lagoa Comprida, Lagoa Comprida/Sabugueiro, Sabugueiro/Cruzamento de Gouveia/Penhas Douradas/Manteigas e Manteigas Covilhã, não havendo previsões quanto à reabertura.

Neve corta EN2 e EN321 no distrito de Viseu

As Estradas Nacionais (EN) 2 e 321 encontram-se cortadas devido à queda de neve registada na madrugada no norte do distrito de Viseu, disse à agência Lusa fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro.

Segundo a mesma fonte, a EN 321 está cortada entre Castro Daire e Cinfães, na zona da serra do Montemuro, e a EN2 entre Castro Daire e Lamego, em Bigorne, que "são os pontos mais altos".

"Os limpa-neves estão a trabalhar desde as seis da manhã. Há situações esporádicas de carros que não conseguem andar, mas depois, quando passam os limpa-neves, circulam normalmente", explicou.

A mesma fonte referiu que também nevou noutros concelhos do norte do distrito, como Penedono, Moimenta da Beira, Tabuaço, Tarouca e Resende, mas "não há estradas cortadas".

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera prevê para esta sexta-feira "aguaceiros, sendo de neve acima de 1.400/1.600 metros no Norte e Centro, descendo gradualmente a cota para 600/800 metros".