País

Técnicos de diagnóstico dizem-se excluídos dos prémios de desempenho para profissionais de saúde

Exigem esclarecimentos ao Ministério da Saúde.

Os técnicos superiores de diagnóstico e terapêutica consideram-se excluídos da atribuição de prémios de desempenho aos profissionais de saúde que fizeram parte da primeira e segunda linha do combate à covid-19, durante a primeira vaga.

O documento, já publicado em Diário da República, prevê o pagamento de 50% da remuneração base dos trabalhadores do Serviço Nacional de Saúde (SNS) e a compensação através da atribuição de dias de férias: um dia por cada 80 horas de trabalho durante o período referido e outro por cada 48 horas de trabalho suplementar.

O Sindicato dos Técnicos Superiores de Diagnóstico e Terapêutica condena a decisão e exige esclarecimentos ao Ministério da Saúde.

Veja também: