País

Governo envia "sentidos pêsames" a Viseu, família e amigos de Almeida Henriques

Presidente da Câmara de Viseu, António Almeida Henriques, morreu este domingo.

O Governo expressou "profundo pesar" pela morte do presidente da Câmara de Viseu, o social-democrata António Almeida Henriques.

Em comunicado oficial, a ministra da Modernização do Estado e da Administração Pública, Alexandra Leitão, e o secretário de Estado da Descentralização e da Administração Local, Jorge Botelho, "endereçam ao município de Viseu e à família e amigos os sentidos pêsames".

Os governantes recordam o autarca como "um homem que dedicou a vida à causa pública e ao interesse nacional", seja como deputado à Assembleia da República e como secretário de Estado e, mais recentemente, como presidente da Câmara Municipal de Viseu e vice-Presidente da Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP).

O militante social-democrata desde a década de 1980, vítima de covid-19 aos 59 anos, era ainda presidente da secção de 'Smart Cities' (Cidades Inteligentes) da ANMP e presidente do Conselho-Geral da Fundação para os Estudos e Formação nas Autarquias Locais (FEFAL).

Foi deputado à Assembleia da República, nas IX, X e XI e XII Legislaturas e vice-presidente do grupo parlamentar do PSD entre 2005 e 2007 e 2010 e 2011.

Participou também no Governo PSD/CDS-PP liderado por Passos Coelho e Paulo Portas como secretário de Estado-Adjunto da Economia e Desenvolvimento Regional, entre 2011 e 2013.

  • 4:11