País

Contaminação na Ria de Aveiro: apanha de bivalves proibida 

Proibição da apanha pode estender-se por seis meses. 

A apanha de bivalves na Ria de Aveiro está suspensa devido a uma contaminação de esgotos, deixando mais de mil famílias sem a principal fonte de rendimento.

Agora, a situação só pode ser revertida quando 90% das próximas análises acusarem valores normais. Um processo que poderá prolongar-se por meio ano.

As associações de pescadores suspeitam de descargas clandestinas e exigem que os responsáveis sejam encontrados e punidos.