País

Mulher acusada de comentários racistas a médico começa a ser julgada em Loures

Caso remonta a 2018 no Hospital Beatriz Ângelo.

Uma mulher acusada de insultos racistas a um médico do Hospital de Loures começou hoje a ser julgada. Daniela Domingos tem menos de 30 anos e está acusada de injúria agravada e difamação agravada, ambos puníveis com multa ou pena de prisão inferior a um ano.

O julgamento começou esta quarta-feira, mas sem a presença da arguida. Na primeira sessão, foram ouvidas cinco testemunhas arroladas pela acusação. A maior parte confirma ter presenciado e ouvido os insultos dirigidos ao pediatra, referem ainda que a arguida já estava exaltada antes de entrar no consultório.

A médica que depois acabou por examinar a filha da arguida contou em tribunal que Daniela Domingos pediu para ser atendida por um médico branco.

A leitura da sentença já está marcada para a próxima semana, dia 22 de abril, no Tribunal de Loures.