País

Quatro crianças feridas devido a queda de poste em escola de Arouca

(Arquivo)

NUNO VEIGA / LUSA

Um poste de telecomunicações.

Quatro crianças ficaram hoje feridas, uma com gravidade, após a queda de um poste de telecomunicações na Escola EB1 de Mansores, no concelho de Arouca, revelou fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Aveiro.

O acidente aconteceu por volta das 12:50, quando a estrutura em madeira caiu sobre alunos que se encontravam na parte exterior do estabelecimento de ensino.

"Três crianças apresentavam ferimentos ligeiros e foram transportadas para o Hospital São Sebastião, em Santa Maria da Feira, e uma outra ficou ferida com mais gravidade, seguindo para o Hospital São João no Porto", informou fonte do CDOS de Aveiro.

No apoio ao socorro estiveram bombeiros de Arouca, acompanhados por equipas médicas e autoridades policiais.

  • Confidentes de alunos e cúmplices de professores: o braço contínuo

    País

    Chamam-lhes “funcionários” porque funcionam. A expressão até parece sugerir que eles são os únicos que “funcionam”, dentro de uma escola. Acalmem-se os tolos. Significa apenas que os “assistentes operacionais”, ou “auxiliares de ação educativa”, títulos mais pomposos do que “contínuos” – expressão que estimo muito - são pau para toda a colher.

    Opinião

    Rui Correia

  • O planeta em que todos vivemos

    Futuro Hoje

    O Planeta Lourenço terá que ser ainda mais simples e eficaz na mensagem. É um risco. Frequentemente, quando me mostram aparelhos ou programas as coisas falham, é o que chamo de síndrome da demonstração. Mas isto acontece na vida real, é assim que vamos fazer.

    Opinião

    Lourenço Medeiros