País

10 de Junho voltou à rua com milhares de pessoas

No ano passado, estiveram presentes apenas oito pessoas na cerimónia nos Jerónimos.

Milhares de pessoas assistiram esta quinta-feira às comemorações oficiais do 10 de Junho, no Funchal. O Presidente da República lembrou que há um ano só estavam oito pessoas no claustro do mosteiro dos Jerónimos e sublinhou que a vida deve continuar.

No discurso, Marcelo Rebelo de Sousa exigiu que não se esqueça que Portugal é uma pátria de emigrantes. Para presidir às comemorações, o Presidente da República escolheu uma médica.

Nas cerimónia do 10 de Junho, Marcelo condecorou por igual o Estado-Maior-General das Forças Armadas e os Estados-Maiores da Armada, do Exército e da Força Aérea.