País

Homem de 55 anos em prisão preventiva por violência doméstica

O homem foi ainda indiciado pelo crime de ameaça agravada e detenção de arma proibida.

Um homem de 55 anos foi detido, na segunda-feira, no concelho de Santarém, por suspeitas de violência doméstica contra a sua companheira e os dois filhos, estando agora em prisão preventiva, foi esta quarta-feira anunciado.

Em comunicado, a GNR de Santarém fez saber que o suspeito agrediu física e psicologicamente, de forma reiterada, a sua companheira, de 55 anos, há cerca de 27 anos.

Durante a investigação apurou-se ainda que o homem "sempre revelou ser agressivo, ciumento e possessivo, pelo que imputava relações extraconjugais com outros homens à vítima", ameaçando-a e aos dois filhos de morte, lê-se no comunicado. De forma a incutir medo à companheira, o detido guardava uma arma de fogo carregada junto à cama no quarto.

Após cumprimento de um mandado de busca, foram apreendidas uma caçadeira, uma arma branca e 35 cartuchos.

O homem foi ainda indiciado pelo crime de ameaça agravada e detenção de arma proibida, tendo sido presente, na terça-feira, ao Tribunal Judicial de Santarém, onde lhe foi aplicada a medida de coação mais gravosa de prisão preventiva.