País

Estado da Nação. António Costa quer virar a página da pandemia e olhar para o futuro

Durante o debate, a oposição apontou críticas ao estado do SNS.

Com um ano e meio de pandemia, o primeiro-ministro quer virar a página e perspetivar o futuro. No debate do Estado da Nação, António Costa garantiu que o reforço de investimento no Serviço Nacional de Saúde (SNS) é real e que afirmou que o PSD é o inimigo do SNS.

Apesar da intenção de Costa de projetar o futuro, o PSD estava apostado em começar o confronto pela saúde: uma luta sobre quem criou o SNS começava no hemiciclo.

A oposição incite nas contratações em falta para o serviço de saúde e o primeiro-ministro recorre aos últimos anos para contradizer os partidos.

Neste balanço para as férias, António Costa pretende fechar o capítulo da pandemia e espera a anunciada libertação no regresso ao Parlamento.

Veja mais:

  • "Quando estou com os avós sinto-me feliz"

    Desafios da Mente

    As investigações apontam que as crianças que têm avós envolvidos na prestação de cuidados podem ter melhores índices de saúde mental, como uma redução do risco de sintomas depressivos e de comportamentos desviantes, bem como melhor desenvolvimento cognitivo. Em Portugal, o Dia dos Avós celebra-se a 26 de julho. A data foi instituída pela Assembleia da República, em 2003.

    Mauro Paulino