País

Christopher não desiste de encontrar o irmão que desapareceu na Madeira

Sinal do telemóvel é a última pista.  

Um ultramaratonista polaco está desaparecido há duas semanas nas serras da Madeira.

No terreno, o irmão e alguns voluntários continuam as buscas, mas desde 7 de julho que não há qualquer sinal ou pista sobre o paradeiro de Michael Kozek.

Os elementos da equipa de resgate de montanha da GNR têm dado uma ajuda, assim como atletas de trail e outros voluntários, mas esperança de encontrar o turista são agora reduzidas

As buscas oficiais terminaram três dias após o desaparecimento, mas o irmão Christopher fez uma promessa à sobrinha de cinco anos.

  • 1:57