País

Enólogo inaugura adega num antigo armazém de café em Marvão

Rui Reguinga adquiriu sete vinhas velhas.

Para potenciar o clima, a qualidade dos solos e as castas instaladas, um reconhecido enólogo adquiriu sete vinhas velhas na região de Marvão e acaba de inaugurar uma adega num antigo armazém de café. A ideia é fazer vinhos únicos para mercados internacionais.

O enólogo Rui Reguinga sedeou em Marvão o projeto a solo à procura de vinhos com carácter e de qualidade baseada no património secular instalado.

A adega, recentemente inaugurada, num antigo armazém de café junto à Quinta dos Olhos d'Água, em Marvão, lugar com história.

Daqui sairão vinhos, já em execução, num segmento médio alto principalmente para o mercado de exportação.

O projeto inclui ainda uma loja para degustação e visitas às vinhas e à região.

  • A escola como uma gigantesca perda de tempo

    País

    Pode ser Eva. Fez um teste de Geografia e foi a única da turma a ter negativa. Dos seus olhos formosos e inexpressivos, num rosto negro como o touro do Herberto Helder, ruíram-lhe duas lágrimas. Mas daquelas que represam tanta água - tanta mágoa - que deixam cicatrizes aquosas. 43%.

    Opinião

    Rui Correia