País

GNR e bombeiros procuram mulher de 30 anos desaparecida em aldeia de Montalegre

Está dada como desaparecida desde domingo em Vilarinho de Negrões.

Militares da GNR e bombeiros realizam buscas por uma mulher de 30 anos que está dada como desaparecida desde domingo em Vilarinho de Negrões, aldeia do concelho de Montalegre, disse hoje fonte daquela força policial.

De acordo com a fonte do Comando Territorial de Vila Real, o alerta para o desaparecimento foi dado por familiares da mulher e as buscas estão a decorrer nas imediações da aldeia da freguesia de Negrões.

Durante a noite foi acionada uma equipa da GNR que dispõe de um 'drone' com câmara térmica e esta manhã foram para o terreno duas equipas cinotécnicas, compostas com militares e cães de busca, e uma equipa de resgate de montanha.

Foram também mobilizados 13 militares da estrutura territorial e uma equipa do Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA), que atuará com uma embarcação na barragem do Alto Rabagão.

Nesta operação, a GNR conta com o apoio dos bombeiros de Montalegre.

Segundo a página da Internet da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), as buscas tiveram início no domingo pelas 21:30.

  • Vamos falar de jejum: era capaz de ficar 16 horas por dia sem comer?

    País

    O jejum intermitente é um regime alimentar que impõe um período de restrição alimentar. Existem vários modelos, mas o mais conhecido é dividido em 16 horas de jejum e oito horas em que pode comer livremente. Os especialistas reconhecem benefícios nesta prática, mas afirmam que a investigação científica ainda é escassa.

    Exclusivo Online

    Filipa Traqueia