País

Ex-treinador de futebol condenado a mais 2 anos de prisão por crimes de pornografia de menores

Eurico Bastos

Eurico Bastos

Repórter de Imagem

Arguido de 35 anos já está a cumprir pena por crimes semelhantes.

O homem de 35 anos já está a cumprir pena no Estabelecimento Prisional da Covilhã. Em 2018 foi condenado a 6 anos e meio de prisão, por um crime de abuso sexual de crianças e nove crimes de pornografia de menores.

Na altura, ficaram por julgar dois crimes de pornografia de menores, que o trouxeram agora de novo ao Tribunal de Aveiro.

As vítimas são um rapaz e uma rapariga de 14 anos que o arguido conheceu na internet.

Por estes crimes, o tribunal considerou-o agora também culpado. E condenou-o a mais 2 anos de prisão.

Terá ainda de pagar uma indemnização de 350 euros às vítimas e está proibido de exercer funções que impliquem contacto com menores de idade.

Os crimes foram praticados entre dezembro de 2015 e maio de 2016, quando o arguido treinava equipas de futebol infantil e juvenil no concelho de Anadia.

Criava perfis falsos na rede social Facebook, trocava mensagens com os menores e pedia-lhes que enviassem vídeos e fotos em atos sexuais explícitos.

Em maio de 2016 foi denunciado por pais de uma vítima e detido pela Polícia Judiciária.

Confessou aquele e todos os outros crimes.

Foi julgado, condenado e já cumpriu cerca de metade da pena.

Na prisão, o arguido fez tratamento psiquiátrico e tem agora acompanhamento psicológico.

  • Esqueçam o atrás...

    Tenham noção

    O recado de Rodrigo Guedes de Carvalho sobre redundâncias. Tenham noção que dizer ou escrever "há cinco anos atrás", "subir para cima" ou "descer para baixo" é desnecessário.

    SIC Notícias